14 junho, 2010

As vuvuzelas, Cavaco Silva e os meus equívocos

O GNR saiu da guarita (à direita) e veio ter comigo. Foi ele que me desfez o primeiro equivoco...
-
As vuvuzelas - Olho e oiço aqueles instrumentos como uma dádiva de Deus. No que se refere à importação dessa boa prática para os estádios portugueses, é genial a ideia. Repare-se que se deixam de ouvir as claques, seus apupos e cânticos, do estilo "e quem não salta, e quem não salta é lampião", ou então "SLB, SLB, SLB, filhos da p..., S L B" ou ainda "Ó sôr árbitro, vá pró C... ". Isto, como qualquer coisa na vida, tem um contra: reduz-nos a capacidade auditiva o que, de todo em todo, não é um inconveniente. Mas será melhor a surdez total...
-
Cavaco Silva - Pois é, antes a surdez total. Até para evitar ouvir os discursos deste candidato ao segundo mandato. Porque, se apenas se reduz a audição, corremos o risco de o ouvir dizer "Vá para fora, cá dentro", julgando, como eu julguei, que ele punha os jardins do Palácio de Belém à disposição da minha numerosa e simpática família. Comprei uma grande tenda, até na convicção de que ele poderia aceitar passar lá a fazer as suas conferência de imprensa, comunicados e discursos, com transparência superior ao acrílico da minha boa aquisição de campista... Chegava-mos nós às portas de Belém, com estes aprestos, logo fui desenganado pela guarda "O Senhor Presidente, não consente!". E esclareceu : "O que ele quis dizer é que gaste as suas economias dentro do País! Olhe, vá pró Algarve". Sem o ruído das vuvuzelas ouvi perfeitamente a versão da GNR (aliás, aparentemente mais clara do que a do Cavaco).

Outro equivoco - Segui as orientações do simpático guarda do palácio. Procurei, encontrei e reservei um T3 perto de Tavira. A confirmação da reserva... Bom para confirmar a reserva tive de pagar 30% ... por transferência bancária... para uma conta ... na Suíça!!! “Chiça penico”!, é demais! Eu que queria injectar dinheiro na nossa economia! O GNR bem podia ter avisado de que eu teria é de fazer férias semi-dentro (ou será semi-fora?)
-
PS - Juro que tudo isto aconteceu, excepto a parte relativa àquilo que ainda está por acontecer