26 maio, 2013

Hoje estou para aqui virado... é que vai ser duro fazer com quase nada, quase tudo...


Pode parecer que não me tenho portado bem e que me desleixei. Não tenho aparecido nem editado com a regularidade a que habituei. Eu sei. Mas, acreditem, venho sempre que posso. Só que tenho podido pouco...  É tanta a ocupação de passar a fazer o que, antes, me limitava a escrever. Mas sempre que possa, escrevo. Sempre que tenha um tempo, apareço. 
Nunca desertei de tarefa em que me empenhei. 

12 comentários:

  1. Os leitores não vão a lado nenhum e entendem perfeitamente a falta de tempo que às vezes bate à porta. (:
    Eu, pelo menos.

    ResponderEliminar
  2. Entendo o conflito, a explosão, a resignação forçada, o vazio, a busca, a grandeza. Entendo. Entende também.
    Um beijo no teu coração.

    ResponderEliminar
  3. Tu és daqueles que vem sempre quando podes e quando não podes.

    ResponderEliminar
  4. Não entendi. O Rogerito tem registado entrada diárias e sempre!

    Nem sempre dá para se escreverem textos!
    Por mim, continua a portar-se muito bem.

    Beijinhos revoltosos...

    ResponderEliminar
  5. boas razões te prendem...

    compreendo-te. mas "escrever" é já "fazer"...

    abraço fraterno

    ResponderEliminar
  6. Será por bom motivo. Então não deixe de fazer.

    Beijinho

    ResponderEliminar

  7. "Escrever é já fazer" diz o Manuel e eu concordo em pleno. Mas quando a energia sobra é preciso aplicá-la para evitar desperdícios.

    Um beijo

    ResponderEliminar
  8. Poderia parafrasear-te... os motivos não seriam exactamente os mesmos, felizmente para ti, mas... faz de conta que o fiz!


    Abraço!

    ResponderEliminar
  9. Olá , passei pela net encontrei o seu blog e o achei muito bom,
    li algumas coisas folhe-ei algumas postagens,
    gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    quando encontro bons blogs sempre fico mais um pouco meu nome é: António Batalha.
    Deixo-lhe a minha bênção.
    E que haja muita felicidade e saúde em sua vida e em toda a sua casa.
    PS. Se desejar seguir o meu blog,Peregrino E Servo, fique á vontade, eu vou retribuir.

    ResponderEliminar

  10. Não tens por que pedir desculpa...
    Não acredito que a maior parte dos bloguers faça desta vida um sacerdócio... afinal a vida gira é lá fora.
    Independentemente dos objectivos de cada um, cá continuaremos a ler-te sempre que possas ou tenhas vontade de nos brindares com a tua presença, seja por palavras, imagens ou apenas musicalmente.

    E por falar em música, gosto deste Uprising... mas amanhã de manhã cai-me melhor! A esta hora preciso de sons mais suaves!


    Um beijinho
    (^^)

    ResponderEliminar
  11. Nem seria de esperar outra atitude do meu amigo.

    beijinho


    infelizmente não consegui ouvir e ver o vídeo

    ResponderEliminar