27 outubro, 2014

Daquela Pátria Grande da América do Sul...



Em dia de seu aniversário, Evo Morales festeja outra festa: “A Bolívia cumprimenta o triunfo da companheira Dilma. Cumprimentamos a continuidade do modelo de mudança no Brasil e na região”. Dilma recebeu outras saudações "Parabéns, Dilma, por sua coragem frente a tanta maldade. O povo do Brasil não falhou com a história. Mil abraços de irmandade", escreveu Maduro no Twitter. Mujica, entretanto, terá ficado descansado pois o porto de águas profundas, uma das maiores obras de infraestrutura que o governo do Uruguai tem planeada, dependia das eleições do Brasil. José Mujica dizia: "Tenho a palavra da presidente do Brasil (...) , se não eu não teria entrado nessa dança". E enquanto a imprensa Cubana assinalava o facto como uma nova etapa, da vizinha Argentina, Cristina escrevia algo mais extenso: 
“Querida companheira e amiga Dilma (...) Este novo triunfo representa mais um passo na direção da consolidação de nossa Pátria Grande da América do Sul, na qual tanto empenho dedicamos desde nossas funções de governo e da militância de toda uma vida. No começo deste segundo mandato, quero te transmitir o apoio incondicional desta presidente e da Nação Argentina para continuar avançando juntos num futuro melhor para nossos povos”.