02 maio, 2015

Da TAP, a greve é o que ferve. A privatização segue em lume brando. Eis o que a greve serve... telejornais e jornais fazem extensos relambórios sobre a orquestrada e a dramalhada. E há quem vá no engodo. Nojo! Não TAP os olhos!!!

Sobre a situação na TAP

"3 - O PCP, a propósito da greve dos pilotos da companhia, independentemente da opinião sobre a forma que assume e do juízo crítico sobre algumas motivações que lhe estão associadas e o aproveitamento que suscita, chama a atenção para a operação que está em curso, visando branquear a política do governo, facilitar a privatização da empresa e condicionar a luta e a intervenção dos trabalhadores na defesa dos seus direitos e dos interesses nacionais.(...) O PCP recorda ainda que estamos perante a terceira tentativa de privatização da empresa: a primeira em 2002 com o negócio da Swissair que se tivesse ido por diante teria destruído a TAP; a segunda já em 2012 com o negócio com o dito empresário Efremovich, uma aventura que revela que este governo está disposto a tudo; e, agora, este novo processo. Um percurso que demonstra a enorme irresponsabilidade e submissão ao grande capital de todos os que apoiam e defendem a privatização total ou parcial da TAP, como fazem PS, PSD e CDS, bem como, o papel insubstituível que a luta dos trabalhadores da empresa, mas também de muitos outros democratas e patriotas, na sua defesa..."
Pode ler todo o comunicado distribuído à imprensa e a que ela se dispensa. E pode ir lendo o que de mais houver para ler "Em não TAP os olhos" (de onde extrai essa imagem aí)



1 comentário:

  1. «Vão-se os dedos e fiquem os anéis»....
    - uma enorme tristeza, não é?

    ResponderEliminar