07 junho, 2016

O Centro de Saúde de Carnaxide e o que, na inauguração hoje, o Ministro terá dito...


Na condição de membro da Comissão Municipal de Saúde estive lá. Recordo que um camarada meu, decano dessa mesma comissão, tinha elogiado o projecto. Eu percorri a obra e atesto-lhe o elogio, pois o espaço é racional e parece adequado e funcional. O Ministro da Saúde, que encerrou a cerimónia da inauguração, também foi da mesma opinião: 
“Não é preciso muito dinheiro, nem obras megalómanas. É preciso fazer o que importa, de forma económica. Este Governo assumiu esse compromisso, de conciliar o rigor orçamental com a justiça social”.
Mas como um Centro de Saúde é mais, muito mais, que um edifício, cabem aqui mais elogios. À Directora do ACES de Oeiras e Lisboa Ocidental, à sua equipa e a todos que proporcionaram o arranque e que amanhã estarão a trabalhar no novo "equipamento", já ao dispor dos cerca de 30 mil utentes de Carnaxide, Linda-a-Velha e Queijas.

Ah, já me esquecia de falar da fotografia. Claro que não é o Centro de Saúde. Esse edifício,  essa enormidade, "uma desnecessidade" que irá custar o equivalente a vinte centros de saúde, tem outra história. Uma triste história!