29 agosto, 2016

Se o Chico confia... quem sou eu para não confiar em Dilma?


Chico é meu irmão, não de sangue mas de alma e... ambos trazem a alma na cara!
Mas se desconfia veja a radiografia ou limite-se a tomar o peso do seu passado. 
Disse ela, olhos nos olhos, no senado:

10 comentários:

  1. ... estou ainda a "analisar" a radiografia, mas todos os outros "exames clínicos" apontam para uma patologia grave e muito, muito complexa. Por outro lado... quem sou eu para pôr em causa o o Chico entende? :)

    Abraço!


    Maria João

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A complexidade não nos deve fazer desertar da necessidade do seu entendimento. Para já, o Chico é meu crédito

      Eliminar
  2. Gostei de saber que o Chico apoia a presidente.
    Bj ~~~~~~~

    ResponderEliminar
  3. Uma vergonha para a democracia brasileira... E o Chico é sempre o Chico, nosso irmão de alma!

    ResponderEliminar
  4. Dava um filme. Título possível com Temer a protagonista:
    Drama - Ou mato ou morro.
    Comédia - Nada melhor que um corrupto para livrar o Brasil da corrupção.

    Bj.

    O Chico Buarque... sim! Pela sua arte, sobretudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tragédia... pois é assim que se repete a história

      Eliminar
  5. http://rodrigoconstantino.com/artigos/chico-buarque-o-fofo-gostava-mesmo-e-de-roubar-carro-na-juventude/

    ResponderEliminar
  6. Muito má, toda a trama. Tenho, porém, algum amargo de boca ao ver que foi Dilma a pôr o traidor em lugar de destaque.

    Beijinhos, Rogério :)

    ResponderEliminar