04 julho, 2017

Título honorífico atribuído a Maria João Brito de Sousa

Na Assembleia de Freguesia da União das Freguesias de Oeiras, Paço de Arcos e Caxias foi atribuído, por unanimidade, o titulo honorífico de mérito na classe "Arte e Cultura" à Maria João*. Pedi-lhe, ao dar-lhe a notícia, que ela escolhesse um poema seu para que assinalasse, neste meu espaço, tal acontecimento. Por "maldade" mandou-me um meia-dúzia-deles e... teve que ser minha a escolha.

SONETO DO PRODUTOR EXPLORADO
(Em decassílabo heróico)
Eu, que injectei nas veias das cidades
Sentinelas de pedra e de aço puro,
Que conquistei a pulso as liberdades,
Que asfaltei com suor cada futuro,

Eu, que paguei com sangue as veleidades
Registadas na pedra, em cada muro
E sigo em frente e moldo eternidades
A partir do que engendro e não descuro,

Não mais hei-de evocar forças ausentes!
Liberto o grito preso entre os meus dentes
Que irrompe deste barro em que me sou

E arrancarei de mim quantas correntes
Me prendam à mentira, ó prepotentes
Donos do que julgais que vos não dou!

_____________________________
*Foram ainda distinguidos: na classe ARTE E CULTURA, o Arquitecto Gonçalo Ribeiro Telles; na CIDADANIA E SOLIDARIEDADE, a Associação Pombal XXI – Associação dos Moradores Bairros Pombal/ Bento de Jesus Caraça, a Associação Coração Amarelo (Delegação de Oeiras) e Edson Moreira - Projecto “MoreiraTeam Kickboxing”; na de DESPORTO, Mário Wilson