13 fevereiro, 2018

Me mascarei de Gabriel, mas não o anjo. E cantei também "Eu não matei nem vou matar literalmente um presidente"

Tô feliz (matei o Presidente) - 2
«Eu não matei nem vou matar literalmente um presidente
Mas se todos os corruptos morressem de repente
Ia ser tudo diferente, ia sobrar tanto dinheiro
Que andaríamos nas ruas sem temer o tempo inteiro
Seu pai não ia ser assaltado, seu filho não ia virar ladrão
Sua mãe não ia morrer na fila do hospital
E seu primo não ia se matar no Natal
Seu professor não ia lecionar sem esperança
Você não ia querer fazer uma mudança de país
Sua filha ia poder brincar com outras crianças
E ninguém teria que matar ninguém pra ser feliz

Hoje, estar feliz é uma ilusão»
Gabriel, o Pensador (aqui)

10 comentários:

  1. É sempre bom ouvir esta musica de protesto
    Abraço
    https://caminhos-percorridos2017.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. O Gabriel pensa muito, mas a realidade não é tão simples assim.
    Se morressem todos os corruptos depressa apareceriam outros e mais outros.
    Pura utopia essa filosofia...Mas sonhar é tão fácil!!

    PS- Não recebeu os meus comentários para os dois posts anteriores, Rogério?

    ResponderEliminar
  3. Nenhuma realidade é simples

    e diz ele, depois de dizer
    estar feliz por ter morto o presidente

    «Hoje, estar feliz é uma ilusão»

    PS: Já tá lá tudo

    ResponderEliminar
  4. ... hoje, estar feliz é, mais do que uma ilusão, uma tendência cuidadosamente imposta e muito, muito conveniente para alguns. Está na moda? Ora bem, sempre me estive borrifando para as modas...


    Abraço

    ResponderEliminar
  5. E,por favor, não me perguntes se me refiro ao tal Gabriel o Pensador. Refiro-me mesmo é à tendência para nos impingirem a ideia de que a "felicidade" está ao alcance de todos nós através de uma oração, da cega obediência a um qualquer guru, ou qualquer coisa parecida...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não encontrei, até hoje, melhor definição para "felicidade" do que aquela que foi dada por Saramago!

      Eliminar
  6. Já conhecia. Sou fã do Gabriel. Aliás tinha-lhe falado nele, não neste tema, mas em outro que denuncia, a insegurança no Brasil, num comentário que deixei no post de Carnaval e que se deve ter perdido.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tá lá

      Aliás foi buscar o Gabriel depois de a ler

      Eliminar
  7. Também canto com Gabriel


    Terno S. Valentim para ti e para a menina do sorriso bonito

    ResponderEliminar