27 setembro, 2013

Reenderecei este recado... encaminhei-o para as minhas filhas


RECADO AOS MEUS FILHOS

Se vos disserem que não há outro caminho,
Não acreditem!
Se vos disserem, para que neles votem,
Que não vão aumentar os impostos,
Não acreditem!
Se vos disserem que os contratos são para cumprir,
Porque o Estado é pessoa de bem,
Acreditem que eles só estão a falar das famosas PPP
E não das reformas que contrataram com o vosso pai.
Por isso, não acreditem!
Se vos disserem que a Cultura é a base fundamental
Para a evolução de um Povo,
Não acreditem!
Os 0,1% do Orçamento dedicados à Cultura
São a única verdade desta enorme mentira!
Se vos disserem que vivemos acima das nossas possibilidades,
Não acreditem!
Acreditem apenas que alguns tem vivido impunemente,
Em cima das nossas dificuldades!
Se vos disserem que basta votar em promessas
Para dizerem que estamos em democracia,
Não acreditem!
Democrático era demiti-los logo que não as cumprissem,
Porque só a gente honesta merece dirigir uma democracia!
Se vos disserem que tem de ser assim,
Porque há uma troika que está acima da vossa vontade,
Não acreditem!
Este país ainda é nosso!
E, acreditem, ainda é possível a honra e a dignidade
Que, ao longo dos anos, vos tentei transmitir,
Para que a Liberdade e a verdadeira democracia
Sejam para vós tão reais como o ar que respiram.
Acreditem que é possível mudar!
Se acreditarmos que temos a força necessária
Para lutar por uma vida onde caiba o sonho,
O trabalho, a cultura, a beleza, a solidariedade
E a esperança de um futuro onde possamos, todos,
Sentir que a luta valeu a pena,
Acordemos de vez para ela porque é esta a hora da Verdade!
Um beijo do vosso pai,

Fernando Tavares Marques

(poema lido no Comício de Encerramento da campanha CDU Oeiras)