25 junho, 2017

Heloísa, aplaudida

É sabido que quem passa, passa sem tempo.
Não que esse tempo seja tão escasso
como, quem passa, o pensa.
Mas quem vai passando
pensa-se sem tempo
para dispender o tempo
que o nosso tempo precisa.  

É por isso curto
este passo do discurso
de Heloísa
E foi por muito tempo
o aplauso, dado
de pé!