11 agosto, 2013

Poesia (uma por dia) - 49

Três Coisas
.
De tudo ficam três coisas:
A certeza de que estamos sempre começando…
A certeza de que precisamos continuar…
E a certeza de que seremos interrompidos antes de terminar.
Portanto, devemos:
Fazer da interrupção um caminho novo…
Da queda, um passo de dança…
Do medo, uma escada…

Do sonho, uma ponte…
E da procura… um encontro!
.
Fernando Pessoa

11 comentários:

Mar Arável disse...

Grande Pessoa

e tu também
Abraço amigo sempre

Malu Machado disse...

Estou nesta toada, amigo. Parando para recomeçar.

AFRODITE disse...


Ao juntar a fotografia com o poema lembrei-me da Amélia Rey Colaço na peça de teatro "As árvores morrem de pé".

Gostei dos conselhos que TU, por intermédio de Pessoa, nos deixaste!


Beijinhos
(^^)

Ana Tapadas disse...

Belo post e grande verdade no lema de vida proposto...

Beijinho grande

Gisa disse...

Pronto! Te achei! E agora? Hahaha
Um bj querido amigo.

jrd disse...

Recomeçar é o caminho.

São disse...

Belo incentivo ...

Boa semana.

Rosa dos Ventos disse...

Ora aqui está um poema de Fernando Pessoa que não conhecia!
Fora do seu género mas a sua heterogeneidade é imensa!

Graça Sampaio disse...

Lindo! Não conhecia e por isso agradeço muito esta novidade para mim, amante de sempre do nosso Pessoa.

(Curiosamente... o "querido" Ângelo Correia também dá sempre três razões para tudo o que comenta... Se o FP soubesse que isto viria a dar-se, talvez não escrevesse este belo poema...)

Red Angel disse...

E ainda há quem não goste de Fernando Pessoa...

Entende-se tal desmérito?

© Piedade Araújo Sol disse...

Pessoa - o Poeta maior - Sempre!

:)