12 outubro, 2015

De sonho em riste

De sonho em riste
Mãe, dás-me asas?
Dou
Deu-lhas e ele voou

Hoje caminha
Em terra
Firme
De sonho em riste
(Graças às asas)
Rogério Pereira