30 abril, 2017

Amanhã, 1º de Maio. E uma imagem histórica que não me sai da memória...


A Lei Ingersoll estipulava 8 horas de jornada diária. O capital não a respeitava e os trabalhadores desencadearam uma luta para a fazer respeitar. Convocaram uma greve geral. Foi no primeiro de maio de 1886.

O que amanhã se celebra não é apenas essa luta, mas todo o seu significado. Os "mártires de Chicago" permanecem na nossa memória... 

Amanhã, a rua é nossa!