26 julho, 2015

Deixemos Detroit, falemos de... Cuba

Deixemos Detroit e o significado da sua decadência pois na data que hoje se celebra Detroit era a sede do "Sonho Americano" e de Detroit pouco mais resta... Falemos então de Cuba, mas sem repetir palavras já escritas sobre o significado da data. O que eu quero dizer sobre Cuba é sobre a rebeldia do povo cubano, sobre uma outra revolução, sobre o poder de uma comunidade contra a adversidade... hoje, neste 26 de Julho. 


Há tanto tempo que tenho isto debaixo de olho

4 comentários:

  1. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderEliminar
  2. Gostava de conhecer o suficiente sobre o assunto para um bom comentário mas não tenho bases para isso.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  3. Amigo Rogério,
    Lá, como cá, já só acredita a nossa geração. Os jovens... esses há muito anseiam por um pouco mais. É evidente que mais tarde vão arrepender-se mas... o desconhecido é sempre um desejo e como dizia o poeta: "sempre que o homem sonha o mundo pula e avança". Agora sabemos que nem sempre por bons caminhos já que o paradigma actual é bem diferente daquele que nós alcançámos.

    Estou desencantada mas o meu caminho está a ficar mesmo ali...

    Beijos e abraços

    ResponderEliminar