24 julho, 2015

A propósito da entrevista do primeiro ministro

Suponha que a mentira era uma máscara. Se pequena, nem se daria por ela. Se insistente, repetida ela seria gradualmente mais horrenda a ponto de causar horror ao próprio mentiroso. Contudo, a realidade é bem diferente. Nem consta que o rosto se lhe tenha alterado, com o discurso despejado, nem se confirma que os seus aposentos estejam despojados de espelhos...
Desgraçadamente, ele convive bem com a cara que tem! 

4 comentários:

ematejoca disse...

Quem disse que o PPC é o único político que mente?

Ainda me estou a rir com este mini-vídeo.

Fê blue bird disse...


-Espelho meu haverá alguém mais mentiroso do que eu ?
Lamentável!

Um beijinho e bom fim de semana amigo Rogério






Anónimo disse...

Coelho não é o pior nem o melhor, é único.
Na mentira, no cinismo, na falsidade de processos.
Não existe máscara que consiga disfarçar sujeito tão deprimente.

Agostinho disse...

Não vi nem preciso de ver porque sou incréu.
Que vá pregar aos peixinhos pró Oceanário do Pingo Doce.