01 fevereiro, 2011

Mu Barak Ou bama (first in first out)...


O meu titulo é difícil de entender? A realidade também...
--
Para acompanhar 1 milhão passo-a-passo, aqui

Para tentar entender ver aqui e aqui

12 comentários:

  1. Excluindo o que de sério está no tabuleiro do poder do Egi(p)to, relativamente ao povo, a verdade, a outra verdade, é que a BP, Obama e outros que tais, esfregam as mãos de contente. Ora não é que o crude já está a aumentar? que jeito dá aos mesmos de sempre.

    ResponderEliminar
  2. Caro Rogério
    Para mim está cada vez mais dificil não só de entender este mundo como nele conseguir viver com tanta maldade, tantos interesses. É dificil e doloroso, não foi com este mundo com que sonhei um dia deixar para os meus netos.
    Beijo

    ResponderEliminar
  3. Está mesmo um enigma difícil de resolver, Rogério.

    ResponderEliminar
  4. Obama tem tudo a ver com isto

    também ele é um mandarete

    nas mãos do petróleo

    e da chamada indústria da guerra

    EUA continuam a apostar
    na paz dos cemitérios

    ResponderEliminar
  5. Rogério, é nessa hora que a gente não sabe para que lado virar...
    mas de qualquer forma gosto do povo junto.
    bjs
    Jussara

    ResponderEliminar
  6. Ah, agora já está mesmo publicado, rrss

    Esperemos que os donos do mundo não boicotem tudo e que não venha a acontecer a tragédia argelina de novo.

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  7. Haverá algum conflito no mundo em que não tenha o petróleo como pano de fundo?

    ResponderEliminar
  8. Catarina,
    Apróxima-se o dia em que os conflitos passarão a "ser comandados" pela ausência de petróleo. Aliás, já estamos na transição para tal situação...

    ResponderEliminar
  9. Porém Tu, Senhor, És um escudo pra mim, a minha glória, e o que exalta a minha cabeça.
    Com a minha voz clamei ao Senhor, e ouviu-me desde o seu santo monte.
    Eu me deitei e dormi; acordei, porque o Senhor me sustentou.
    SL 3:3-4-5

    DEIXO COM ABRAÇO DE PAZ E ALEGRIA DO PAI EM TEU CORAÇÃO.

    ResponderEliminar
  10. O mal de uns é o bem de outros, e quando esses outros são gigantes económicos quem perde?
    Apesar de perceber pouco destas problemáticas, sei o suficiente para estar muito preocupada.
    Estamos a assistir em directo a grandes mudanças, e não sei se são para melhor!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  11. é o que se chama por "o dedo na ferida"...

    abraços

    ResponderEliminar
  12. Que o petróleo está a acabar (ou pelo menos a ficar mais "raro" e caro) e que tem sido ele a mover o mundo no sentido errado, não é difícil de entender, basta querer saber.
    Difícil de entender é dar-se tanto valor ao lado materialista e consumista das coisas, esquecendo o essencial!

    ResponderEliminar