11 julho, 2012

O Estado da Nação e o futuro nacional...

Enquanto decorre a discussão sobre o estado da Nação, afigura-se já, que as perspectivas tidas há uns tempos atrás, estão ultrapassadas. De facto a regionalização não terá como objectivo a alienação de qualquer parcela nacional, como resultado da desertificação de infraestruturas de desenvolvimento e bem estar social, nem por consequência do encerramento (ou fusão) de freguesias. Não, não haverá aquela alienação. Haverá outra. Estão em curso soluções que permitem recuperar o território abandonado para desenvolver uma indústria cujo sucesso é promissor e sem que a necessária matéria prima se preveja ver extinta, nos tempos mais próximos.
Só em Trás-os-Montes, há montes... 



Em Tribalhadouro, está em curso um projecto duradouro...
segue-se a replicação, por igual, em todo o interior de Portugal


...e a oferta se diversificará. O nórdico, por preço módico, pode aguardar a viagem
ficando hospedado... em Vale de Cambra (ou noutro lado)