30 agosto, 2014

MUDANÇA - A persistência passa por fazer agenda

"Os comunistas (...) irão suscitar o debate no Parlamento Europeu sobre o «início do processo de discussão» para a dissolução da União Económica e Monetária, e a extinção do Pacto de Estabilidade, e pretenderão criar um «programa de apoio aos países cuja permanência no euro se tenha revelado insustentável e que preveja a devida compensação pelos prejuízos causados no quadro de uma saída negociada da moeda única»."
Irão suscitar debate. Suscitar debate, disse. E outra coisa não veio dizer. Haverão os que se irão esconder sobre a rejeição liminar dessa discussão: "irrealista", dirão. "Veremos", digo eu!

6 comentários:

Fê blue bird disse...

Haja alguém que diga a verdade e apresente soluções de uma vez por todas !

Veremos!

beijinho já com saudades :)

Observador disse...

É caso para ficarmos na expectativa.

Rosa dos Ventos disse...

Quem sabe?

Lídia Borges disse...


Levantar as questões é muito importante quando parecem vedados (há quem o faça parecer, com veemência)caminhos alternativos.

Beijo

Lídia

Mar Arável disse...

Na verdade

Ana Tapadas disse...

Importante é não calar...

Beijo