10 janeiro, 2018

O financiamento dos partidos, a transparência transparente e a transparência opaca...


O Prós e Contras, desta vez, quase era dum lado o "prós" e do outro os "contras".
Quase era, mas não chegou a ser.
Primeiro, porque a Fátima (mais uma vez) não deixou, e depois porque os "prós" algumas vezes foram "contra"...

Colocada de lado a charada, olhemos a imagem. Assim de esguelha a não é clara e, à luz da reclamada transparência, ela coloca a questão de fundo, nada opaca:

NOTA: O link acima remete-nos para oito perguntas (que a Fátima não fez) e para oito respostas (que não chegaram a ser dadas)



4 comentários:

Maria João Brito de Sousa disse...

Partilho. Abraço.

O Puma disse...

A dona Fátima pelo menos devia ser estrábica

Anónimo disse...

Eles lá sabem contar bem o tempo. Fosse uma mão na bola, um fora de jogo, ou um pontapé no arbitro e era como a duracell...

Ana Tapadas disse...

Não vi o programa...vi o «link». Entendo o ponto de vista, mesmo se, por vezes, me assaltam dúvidas.
Beijo