19 março, 2014

Se todos os dias são dias de qualquer coisa, façamos qualquer coisa todos os dias...


Pai? Claro! Três vezes... e de cada vez, era assim...
(nervoso, mais por ela do que por mim)


E claro que fui, tudo isso que ela(s) diz(em) que eu fui...

9 comentários:

  1. Usas palavras avinagradas ou não, mas não abdicas de as usar para alertar, para lançar um desafio. Gosto.

    ResponderEliminar
  2. Pois então... para aquele que foi tudo isso (que está neste giríssimo vídeo)um muito feliz
    Dia do Pai.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Meu filho
    sou mais que teu pai

    sou quase tua mãe

    ResponderEliminar
  4. Fui pesquisar e achei lindo:

    "Um pai é mesmo uma pessoa muito especial.
    Capaz de se dobrar, desdobrar, encolher e esticar… um pai transforma-se, num passe de mágica, nos objetos mais incríveis.
    Ou será que nunca repararam nos pais transformados que andam por aí?
    Pais-cabides, pais-ambulâncias, pais-aviões, pais-sofás, pais-escadotes, pais-travões…
    Basta abrir os olhos e observar."

    Decerto o meu amigo foi tudo isso.
    Parabéns , Parabéns, Parabéns!


    beijinho

    ResponderEliminar
  5. Feliz dia do pai Rogério...
    O meu abraço!

    ResponderEliminar
  6. Beijinhos para um pai muito orgulhoso das suas lindas pequenas crias...

    (O livro do vídeo é um mimo!)

    ResponderEliminar
  7. Es tu na fotografia?
    Parece o richard gere
    Kis :=)

    ResponderEliminar