13 outubro, 2013

200 000 visitas! Talvez acompanhem como me acrescento ao que vou escrevendo...

(clique na foto para aumentar)
Hoje é um dia em que olho para este espaço como se fosse um livro inacabado, um diário onde dia-a-dia me acrescento e me exponho. Folhei-o sem procurar mais nada do que reunir argumentos para explicar a razão de ser de acto persistente de ir registando poemas, conversas, lutas, gritos, ironias, tempestades, vontades e tentar fixar essa fugidia imagem do real que nos vai escapando (ou esquecendo). O Google ajuda: escrevo "Conversa Avinagrada" no alto da página da pesquisa e, logo de seguida, desfila um passado recente recheado de gente e de apontamentos que vão determinando a sua história. Do outro lado, relembro gente amiga que me visita e, por vezes, comenta. A esses uma palavra destacada: obrigado pelo incentivo.

E por aqui continuarei como posso e sei, sem esquecer que este "meu acto de cidadania é um constante (e militante) apelo à resistência...", com interregnos para coisas belas!