11 junho, 2010

Conversa de chacha?

Segundo alguma imprensa, um discurso credível

Todos sabiam (e Cavaco também) que Carvalho da Silva iria reunir-se 2.ª-feira com os responsáveis da CIP e, em data a agendar, com os da CCP. No seu discurso de ontem insinua que, se de esses encontros saírem compromissos de todas as partes, tal se deverá a ele, candidato Cavaco Silva. Se as coisas correrem mal, ele fez o que lhe era possível. Lamentável o titulo do DN de hoje, que vai no sentido pretendido por Cavaco: “Parceiros sociais unidos após apelo de Cavaco”.
Não é assim, nada disso. O facto é que tem havido pressões de muitos lados, desde o Mourinho até ao Lula da Silva. Mas fui eu, a partir do meu diagnóstico sobre o estado da nação, que mais influenciei os parceiros sociais não só porque denunciei as tangas da Helena André como por ter evidenciado quais os compromissos necessários
Voltando ao discurso de ontem: Não terá sido um grande discurso, mas foi uma excelente abertura da campanha eleitoral de Cavaco Silva.
Digam lá: Foi ou não?