01 maio, 2011

1º de Maio (este será um post histórico)

Enquanto as elites, de todos os quadrantes, olham um país ainda independente, as centrais sindicais, em separado
demonstraram neste 1º de Maio o espírito que as anima (e compromete):

João Abel Manta, autor do cartoon, publicado pela primeira vez em "O Jornal" de 11/07/1975

7 comentários:

Isa GT disse...

Uma coisa é certa, nesta altura do campeonato se Portugal ficasse sem ajuda e saísse do euro, no dia seguinte seria o caos.
Aqueles que levaram milhões para paraisos fiscais, abandonariam o país como ratos de navio a afundar e aqui, nem quero imaginar, supermercados de prateleiras vazias e Bancos fechados até... não se sabe quando. A maioria das pessoas não sabe sequer o que significa a palavra bancarrota.

Bjos

Rogério Pereira disse...

Isa,
O seu comentário confirma a suspeita que, no fundo, o que rege as pessoas é o medo. Não tem que ser necessáriamente assim...

Rogério Pereira disse...

AVISO: O link de João Proença está errado o link correcto está aqui. Contudo, mantenho o post com o "engano" inicial...

folha seca disse...

Caro Rogério Pereira
Creio que uma das razões que nos levou a chegar à desgraçada situação em que nos encontramos, foi o alheamento a que a generalidade da nossa população se remeteu,limitando-se a confirmar as palavras de Saramago naquele video que o meu caro muito bem divulgou.
Respondendo a uma ou outra boca que me mandou: Em parte alguma defendi a aceitação das imposições da troika ficando de cócoras perante as imposições da mesma. Defendi sim que todas as forças deviam participar na discussão e de caras dizer não com os fundamentos defendidos, aliás foi isso que o Carvalho da Silva fez.
Há já uns tempos que deixei de ter certezas absolutas e procura pensar com a minha cabeça. Claro que umas vezes bem outras mal. É por isso que por aqui e ali vou deixando umas opiniões e recolhendo outras.
Parabéns pelo post.
Abraço

Mar Arável disse...

Quem se comprometeu com a troika

deve incluir todas as medidas
nos seus programas eleitorais

Abraço

São disse...

POrque não olham os políticos e banqueiros e nós(sim, nós) para o exemplo da Islândia?!

Aconselho a leitura da reportagem publicada na "Visão" desta semana.

Boa semana.

Wanderley Elian Lima disse...

Trabalhadores de todo mundo, continuam na miséria.
Grande abraço