11 maio, 2015

Empreendedorismo, a doença senil do capitalismo - 3 [The factory school]

imagem retirada deste vídeo
Em Janeiro de 2013, julgava ser o empreendedorismo uma moda. Mas temia o risco de ela se instalar, e escrevia: "A moda do empreendedorismo nasce de mãos dadas com o neoliberalismo, ambos se fundamentam no mito que o valor do homem apenas está no «valor que o "mercado" lhe dá». Por isso é preciso que a moda não passe com a tranquilidade com que as modas passam de moda. O que é preciso, necessário, urgente é que acabemos com ela. É preciso acabar com a moda, agora!"
Em Agosto de 2014, confirmava a suspeita de o empreendedorismo se ter imposto, o DN dava-lhe rosto, dedicando-lhe página inteira divulgando o projecto "EmpCriança". Então, pensei "Vai ser muito difícil sair desta selva".

Hoje, percebi que na selva o "neoliberalismo" teria já ultimado o efeito predador. Estamos próximos do que a escola já fora, embora com outros métodos e bandeiras.
Recordam-se disto?
___________


Nota: Em tempos trocava ideias com quem as ia tendo. Fui lá consultar o que escreviam sobre o tema. Uma fechou a loja, percebendo-se a permissividade, outro a loja fechou, cansado de gozar. Permanece o Terrear, mas (sobre o tema) nem atrasa nem adianta. E é pena.

5 comentários:

Maria Eu disse...

Hei-de lutar contra esta loucura moderna do empreendedorismo enquanto possa. Passar a palavra, desdizer, contradizer...

Beijos, Rogério.

Agostinho disse...

Também as crianças?
Não é crime condicionar as cabeças inocentes?

Bruno disse...

Isto é só a cereja no topo do coiso. A Escola, e outras coisas mais em volta da Escola, como os Centros de Estudo, estão sequestrados pela a ideia de que os putos têm de ser perfeitos, que nunca estudam o suficiente, que têm de fazer os trabalhos de casa se não ficam sem a Playstation ou pior, e sempre sempre contrariados, matando aos poucos a curiosidade por aprender. Estas pedolavagens para o empreendedorismo acabam por ser mais estimulantes que um vulcão de magnésio numa aula de ciência. Torna tudo isto muito mais sinistro.

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Com estas politicas neoliberais este novo empreendedorismo irá continuar.
Salvam-se os poderosos, mafiosos...destrói-se a pessoa...

Uouo Uo disse...


thank you

سعودي اوتو