19 janeiro, 2016

O grande debate, foi bom (mas chega... tarde?)



Prova o formato e o sucesso (que não apenas as audiências confirmação) que é possível fazer televisão, em vez de se andar por aí com a cartilha de Goebbels usada por uma cambada de palradores a quem pomposamente designam por comentadores.

O debate teve vários pontos altos. Mas eu, tendencioso e nada imparcial, aponto três (para além do já destacado na figura acima). A saber:
Sampaio da Nóvoa - apontado que quando Marcelo era dirigente do PSD, o partido votou contra o Rendimento Social Garantido (e depois vem a desculpa-resposta-esfarrapada de Marcelo)
Edgar Silva - quando refere que mais do que apontar que há corrupção, é preciso apresentar meios e uma estratégia para a combater (e ilustrou as iniciativas parlamentares do seu-meu partido, designadamente arrastando Marcelo a declarar também ser contra o enriquecimento ilícito)
Marisa Matias - quando diz ainda que tem vergonha da decisão do Tribunal Constitucional de repor as subvenções vitalícias a políticos sem condição de recursos 
 Aliás Marisa Matias quase metia todos no bolso (quer pelo desempenho, quer pela acutilância do verbo) não fora seu bolso estar roto. Eu explico: Marisa meteu o pé na argola quando meteu todos no mesmo saco quando  critica que os restantes candidatos não tenham criticado a situação. Será verdade ou ela (também) brinca com as palavras?
e critica que os restantes candidatos não tenham criticado a situação. Matias diz que tal acontece porque, na lista dos deputados que apresentaram o pedido ao Palácio Ratton, se encontram apoiantes de alguns dos outros candidatos. - See more at: http://www.rtp.pt/noticias/politica/nove-candidatos-a-belem-no-debate-da-rtp-acompanhe-ao-minuto_e889468#sthash.0u6pVY4x.dpuf
e critica que os restantes candidatos não tenham criticado a situação. Matias diz que tal acontece porque, na lista dos deputados que apresentaram o pedido ao Palácio Ratton, se encontram apoiantes de alguns dos outros candidatos. - See more at: http://www.rtp.pt/noticias/politica/nove-candidatos-a-belem-no-debate-da-rtp-acompanhe-ao-minuto_e889468#sthash.0u6pVY4x.dpuf
e critica que os restantes candidatos não tenham criticado a situação. Matias diz que tal acontece porque, na lista dos deputados que apresentaram o pedido ao Palácio Ratton, se encontram apoiantes de alguns dos outros candidatos. - See more at: http://www.rtp.pt/noticias/politica/nove-candidatos-a-belem-no-debate-da-rtp-acompanhe-ao-minuto_e889468#sthash.0u6pVY4x.dpuf

15 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Cansada de campanhas eleitorais, com o meu voto definido, e com um livro para acabar de ler, não vi.
Um abraço

Lídia Borges disse...

Nada de novo, a nível das ideias ou das não-ideias.
O "cara-a-cara" parece-me um formato mais credível, sim!

Bj.

ematejoca disse...

Li no CR

" Depois de duas horas de debate entre presidenciáveis, a RTP exibe a série "Terapia"."

BOA PIADA!

Só tenho simpatia por um candidato, mas votar nele é voto perdido.

Vamos lá ver no domingo.

Joana C. Silva disse...

Melhor que tudo isso foi a actuação de Tino Rãs, que deixou toda a gente a perguntar-se como é que ele conseguiu assinaturas suficientes para se candidatar a presidente da republica. (deixo como nota final uma pequena piada: https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xft1/v/t1.0-9/12417961_1724048607826473_6156852906554044254_n.jpg?oh=8ce6c763ad09a5406f4d296bbe5109cd&oe=5739788A)

© Piedade Araújo Sol disse...

cansada e desiludida...não vi.

beijo

:)

Rogerio G. V. Pereira disse...

Não esqueça
um livro espera
o dia 24
não

Rogerio G. V. Pereira disse...

Como formato, estou de acordo
Mas atendendo à multidão talvez 2 ou 3 debates com todos talvez fosse o mais adequado...

Rogerio G. V. Pereira disse...

Julgo saber a quem se refere...
Acho que a candidata cumpriu bem a missão:
Levar as teresas a ficarem em casa,
depois de cavar bem funda a divisão

Rogerio G. V. Pereira disse...

Ia a dizer
que desiludido
estou eu consigo

Mas com os poetas
há sempre inesperados despertares

Elvira Carvalho disse...

Não se preocupe. Sou contra a abstenção.
Abraço

O Puma disse...

Palavra dada é para cumprir

Rogerio G. V. Pereira disse...

Emergirá, nestes tempos
quem respeite tal valor

Maria Eu disse...

Vejo e oiço sempre! Gosto de saber o que digo.
Dia 24, lá estaremos, Rogério. Espero que valha a pena!

Beijinhos :)

Rogerio G. V. Pereira disse...

O que não vale a pena é não estar...

Lá estaremos!

Agostinho disse...

Quanto aos comentadores de televisão (a maioria) e também nos jornais, sabemos andarem por aí a receber confortos de algibeira: umas moedinhas para "a bica e o tabaco".
Vi o debate quase todo. Concordo que o modelo é melhor e que deveriam ser em maior número, sem exclusão de ninguém.
Vi algumas perguntas sacanas e também respostas evasivas. Por que persiste este comportamento inimigo da verdade?
Domingo não falto. Só a participação em força das pessoas poderá romper com a inércia.
Um domingo soalheiro!