01 maio, 2018

Forçado pelo diabo, perdi este 1º de Maio


Pela manhã fingi estar melhor, como fosse possível esconder olhos lacrimejantes, tosse persistente e espirros denunciantes de um estado que teimava em não melhorar. "Não, não vais!, assim... nem penses!" Dizia-me ela entre o autoritário e o tom de quem implora. Fez com ela coro a Minha Alma e até o Meu Juízo me dissuadiu chamando-me à razão sobre coisas inadiáveis, dizendo-me "Vê lá, é melhor ficares em casa. É amanhã que fazes falta!"

Vencido e convencido, entreguei-me à tarefa de preparar o enquadramento a dar à apresentação, reli o que escrevera sobre o que José Gomes Ferreira dissera dele e passei os olhos sobre outros textos.

Amanhã estarei melhor, certamente. Agora a dúvida é saber se ao Professor João Caraça irão chegar os 60 minutos que tem para falar de um Homem tão grande, seu pai.

7 comentários:

Elvira Carvalho disse...

As suas melhoras.
Bento de Jesus Caraças foi um dos mais notáveis homens do século passado, na cultura e cidadania. E morreu tão jovem.
Abraço




Maria João Brito de Sousa disse...

Em verdade, em verdade te digo que todo o bom poeta tem de ter um bom potencial de raciocínio matemático.
"O poeta era ele", diz José Gomes Ferreira usando aquela lucidez própria dos que conhecem a poesia muito para além do versejo fácil e das aparências.

Há muito que deixei de ter pernas que me levassem até ao CCD de Oeiras, mas desejo que esses sessenta minutos se agigantem para o Professor João Caraça e para os Desenhadores de Sonhos.

Abraço!

Larissa Santos disse...

Muito bom texto:)) As melhoras.


Hoje:- Vestes leves, agitadas pelo pensamento

Bjos
Votos de uma óptima Quarta - Feira

Rogerio G. V. Pereira disse...

Temos a falar de quem foi seu pai
o próprio filho

Vai ser um momento memorável

Rogerio G. V. Pereira disse...

Gostava de te poder levar
só que não posso...
...mas venho-te contar

Rogerio G. V. Pereira disse...

Teus desejos vão se cumprido
Tusso pouco e pouco espirro

Obrigado

Mar Arável disse...

Até amanhã camarada