24 abril, 2019

Jardim de Abril, obra de jovens e idosos


Há semanas atrás foi dado o pontapé de saída. A partir de uma ideia, mãos à obra e o jardim ficou assim...

Idosos da "Desenhando Sonhos" envolveram escolas de Oeiras e as telas, feitas a muitas mãos, vieram para a rua.

Foi ontem, eles mesmos, apesar de velhos chamaram a si a tarefa de engalanarem o jardim. Respira-se a Abril, ali.

Depois fomos às escolas, contar como era, porque "somos a memória que temos"
(continua)

8 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Muito interessante. Nós os idosos, somos bem participativos. E do 25 de Abril temos a memória e é nossa obrigação passá-la aos jovens que não o viveram
Abraço e viva a liberdade

Maria disse...

É tão bom quando conseguimos envolver gente jovem num trabalho colectivo para preservar a memória! Temos tanto trabalho pela frente e talvez tão pouco tempo para o fazermos. E esse trabalho com os estudantes é valiosíssimo!
Um excelente 25 de Abril e um abraço.

Anónimo disse...

Que pena tenho de não ter estado, nem estar, em condições físicas de participar desse trabalho em que se uniram jovens e idosos em memória desse ímpar Abril de 1974.

Mas sim, somos a memória que temos. Viva Abril! Que nunca seja esquecido aquele dia que o povo português tornou muito seu ao desobedecer a todas as ordens e ao invadir as ruas em nome da liberdade.

Forte abraço


Maria João

Lídia Borges disse...


Assim, Abril em Festa.

Saudações Democráticas

Lídia

Rosa dos Ventos disse...

Bonita ideia e produtiva realização!

Abraço

ematejoca disse...

Ouvi dizer que, os jovens portugueses pensam que o Salazar foi o último rei de Portugal 😂

São disse...

Bela reportagem


Beijinho e VIVA ABRIL !!

Larissa Santos disse...

É muito mais interessante os participantes terem conhecimento dos factos. :)) Eu era pequenita
:))
HOJE, DO NOSSO GIL ANTÓNIO :-Meu amor: Eu estou aqui.

Bjos
Votos de uma óptima noite