18 maio, 2012

Manifesto para uma esquerda livre: "Uma esquerda corajosa deve apresentar alternativas concretas e decisivas para romper com a austeridade e sair da crise, debatidas de forma aberta e em plataformas inovadoras."

'Esto no es crisis, se llama capitalismo'

Vejamos se a generosidade dos propósitos não marginaliza, do debate que o "manifesto" reclama, o aprofundamento das causas da crise e as acções que contrariem o avanço deste modelo capitalista, na sua actual e mais desumana manifestação...