08 dezembro, 2015

Escrever na água


 ESCREVER NA ÁGUA
Quando tiveres cometido algo
que te amarga,
escreve-o na água
límpida de um lago sereno 
verás que nunca se apaga

É como se estivesses escrevendo na alma

Nada pior que entrar num confessionário
de onde se sai
com a disposição
inconfessável
de repetir o erro

E se errar é humano
repetir o erro é estúpido 
Rogério Pereira