27 abril, 2011

Sobre a inevitabilidade - I

.
O eleitor, empobrecido, prepara-se para o auto-castigo.
Será a vitória do discurso da inevitabilidade e do tem que ser?
Para acordar ainda não é tarde... Mas "o tempo para milagres está muito dificil"(*)

(*) Procurei aquela parte em que ele diz que isto aqui
não tem que ser obrigatóriamente um deserto e que há
alternativas, mas ficou escondida não vá o eleitor acordar