24 outubro, 2018

O LIVRO DE CAVACO - No relançamento do passado, algo saiu errado (faltou "bolsonaro"?)

«O livro de memórias de Aníbal Cavaco Silva, "Quinta-feira e outros dias" foi apresentado ao final da tarde no CCB, em Lisboa. Veja as imagens da "Sábado"
Bem mandado, fui onde me mandava a "Sábado" e percebo, que se algo estava para acontecer, não aconteceu. Alguém que estaria para aparecer, não apareceu.
Porque é que eu penso isso? Porque a preparação estava a ser bem preparada. Com antecedentes... Sigam a imagens abaixo...
Depois da homenagem em Sernancelhe, depois da sua senhora se ter guindado a onde a colocou Marcelo com seu abraço, acho que falhou alguém ao lançamento... eu acho... que... faltou um "bolsonaro".

5 comentários:

Maria João Brito de Sousa disse...

Abusaste do vinagre, Rogério? ;) Nem mesmo o senhor de Boliqueime merece um lançamento bolsonarizado e até confesso que ele, ou alguém por ele, engendrou um título que não é nada, nada feio. Poético, Muito poético, mesmo. ;)


Abraço

Gil António disse...

Bom dia:- O homem é feliz assim, deixai-o ser. Até gostei e muito do título do seu livro.
.
* Que a minha cama não fique tão vazia *
.
Cumprimentos poéticos.

Mário Reis disse...

Os administradores dos CTT, os serviçais do PSD e do PS que criaram as condições ao ponto de privatizar uma empresa que entregava uma média de 200 milhões em dividendos ao OE, mantinha serviços de proximidade às populações de Sernancelhe, Figueira Castelo Rodrigo entre muitos outros que em catadupa estão a encerrar, também lá estiveram? Os autarcas desses partidos que calaram e calam quando estes caminhos do engano são tomados faltaram ao fedorento evento?
Quem não pode nem deve estar, seja lá, seja nos ditos ideais, seja no voto e nas lutas que se avizinham somos nós, os condenados a pagar estes roubos.

Rosa dos Ventos disse...

Faltou "bolsonaro" mas não deixou de sobrar lixo!

Abraço

Baltazar gonçalves disse...

Bolsonaro não, o Brasil merece e precisa dizer basta ao fascismo.