09 março, 2011

Redacções do Rogérito (3)

TEMA: Diagnóstico da nação e a tomada de posse do coiso
-

14 comentários:

ariel disse...

Magnífico!

:))

flor de jasmim disse...

Caro Rogério
Com toda a dificuldade de ver (a crise já chegou à tinta) as letras mas li,está uma redação com direito a um MUIO BOM, para a redação lógico!!! Não para o coiso.
Abraço

Fê-blue bird disse...

Para ler de uma assentada esta redacção do Rogerito fiquei a saber que tem uma vizinhança muito animada e enrascada e que o coiso anda todo agitado por causa da parva da Deolinda e da canção da eurovisão que está a pôr os jovens todos a manifestarem-se...puxa estou cansada ;)
Por mim também dou 20 valores :D

Bjos

acácia rubra disse...

Vou classificar, usando para tal, os critérios de correcção, emanados do Ministério da Educação, e que são os norteadores da correcção das Provas de Aferição de Língua Portuguesa do 4º ano.

Na Expressão Escrita deve atender-se a parâmetros estipulados, indo a pontuação de 0 a 4. Transcrevo a Descrição dos Níveis de Desempenho e o nível que, como correctora, lhe teria de atribuir pela sua redacção que agora, como vê se denomina Expressão Escrita, para não traumatizar...

Assim:

Extensão - Produz um texto de extensão igual ou superior a 15 linhas. = 4

Tipologia - Respeita integralmente as instruções do texto narrativo, no que diz respeito à modalidade do texto. = 4

Informação - Aborda o tema indicado, atribuindo-lhe um título e respeitando os vários aspectos sugeridos nas instruções. = 4

Progressão - Desenvolve, de forma coerente, a continuação da história. = 4

Estruturação - Redige um texto utilizando, sobretudo, frases isoladas.
Ignora os sinais de pontuação ou utiliza-os de modo aleatório, com infracções às regras
elementares de uso. = 0

Articulação - Apresenta alguns desvios às coordenadas de enunciação adoptadas inicialmente.
Usa, essencialmente, os processos de articulação interfrásica mais simples e frequentes.
Usa vocabulário adequado, ainda que pouco variado, ou passível de ocasionar confusões
pontuais.2

NÍVEL INTERMÉDIO = 1

Apresenta grande variabilidade quanto às coordenadas de enunciação adoptadas inicialmente.
Não recorre a processos de articulação interfrásica.
Usa vocabulário muito elementar e restrito, com elevado grau de redundância, por vezes, com
grave inadequação.0


Sintaxe e Morfologia - Utiliza a pontuação, no interior da frase, de modo aleatório ou não a utiliza. = 0

Ortografia - Escreve com correcção ortográfica ou com eventual ocorrência de erro, sobretudo, em palavras pouco frequentes ou em formas instáveis. = 4


LOGO: 4+4+4+4+0+1+0+4 = 21%

Parece pouco, eu sei mas, atendendo a que muitos dos alunos do 10º ano nem isto atingiriam porque não sabem escrever direito, quanto mais da maneira torta, humorística e oportuna que o menino Rogério utilizou, sou da opinião que continue a divertir-nos com textos como este e que, acredite, me recusarei a corrigir.

Foi um prazer.

Beijo

PS - Pode sempre pedir reavaliação.

Lídia Borges disse...

Sabe Rogério, à sua composição faltam só uns grandes pontos finais que não fazem falta ao texto, mas ao que ele tem dentro.

Um beijo

Rogério Pereira disse...

Minha gente
EStava eu todo contente
até falar com a sôtôra
e ficar rubro de vergonha
Raio do puto, não fazia o trabalho de casa
Vou deixar-lhe o rabo em brasa

Lídia,
Pudesse eu colocar pontos finais dentro e no local adequado e o texto teria uma só linha, nem mais um bocado.

Conclusão (provisória)

Mais vale a palavra de uma admiradora (Ariel)
que a avaliação do Ministério da Educação
dada por sôtôra (Acácia Rubra)

Flor de Jasmim,
Esta redação tem o texto descorado
Foi redigida nos primórdios do século passado

Mar Arável disse...

Muito bom
as vírgulas
quem quiser que as ponha
Eu li do meu modo e gostei

Abraço

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ah grande Rogerito! Um dia destes ainda te vou apresentar a Martinha.

mdsol disse...

No melhor estilo da saudosa guidinha de O Jornal do estimável Stau Monteiro (se não estou em erro). Muito bem

:)))

folha seca disse...

Rogério
Dá-me cá a impressão que a seguir aos "Caminhos do meu Navegar" ainda vão ser editadas as "redacções do Rogérito"...
Abraço

MFerrer disse...

Não tinha lido.
Foi um dia em cheio e a ressaca era muita...
Mas prometo fazer um esforço Rogério.
Não é todos os dias que nos surge algo com originalidade.
Quem me dera a mim...
Abraço, que por aqui a qualidade dos comentadores é bem acima da minha média...
Abraço ainda pela visita!

Rogério Pereira disse...

Mar Arável,
Eu que queria ser original veio a MdSol e descobriu-me a careca. Sabe que as Redacções da Guidinha que antes de aparecerem no "O Jornal" eram publicadas no suplemento "A Mosca" do Diário de Lisboa" e que algumas escolas distribuiam os textos para as crianças da primária da época darem a pontuação devida?

A Acácia Rubra bem podia seguir tal exemplo. O Rogérito ficaria radiante...

Carlos Barbosa de Oliveira, Separadas que eram as escolas, meninos e meninas de cada lado, está o Rogérito curioso por conhecer a Martinha. Diria até interessado...

Folha Seca, Bem pode ser o livro a seguir para põr o "pagode" a sorrir

MFerrer, Junte-se aos bons. Será melhor que eles... (gostei de o ver)

Tite disse...

Este Rogérito tem mesmo o dom da palavra para nos convencer. Muito mais do que o nosso 1º ou o tal que tomou posse ontem.

Será que o Rogérito percebeu que aquela gente anda toda de candeias às avessas? Como não participar em manifestações alegres e bem dispostas, se eles andam todos com caras de poucos amigos?

Amei, amigo Rogério, saber que o teu dom já vem de lonnnnnge.

carol disse...

Radacções do Rogerito a fazerem lembrar as da Guidinha... Muito bom. Mas, da próxima vez, use outra caligrafia que, com esta, uma pessoa ganha cá uma dor de cabeça!....