08 fevereiro, 2014

A dona Esmeralda e a vizinha do 4º andar, a conversar - (18)


Vizinha do 4º andar (excitada) - Dona Esmeralda, que governo!... estou entusiasmada... 
Dona Esmeralda (com ar de quem está escaldada) - Ora diga lá! Recebeu alguma carta a repor o corte indevido feito ao salário do seu marido? O seu filho foi readmitido? Ou então... chamaram-na para a operação?
Vizinha do 4º andar (sem a escutar) - Sabe?, as finanças vão sortear carros... e não são dos baratos!
Dona Esmeralda (enfadada) - Com sorte, a vizinha ainda vai parar ao reino dos ricos... ao lado do Amorim, ou coisa assim!
Rogérito (interrompendo, nesse preciso momento) - Ó vizinha, se lhe sair dois euros na raspadinha, invista-os no euromilhões e exija o talão, pode ser que lhe saia um carrão. Entrámos em desatino, o país virou casino !!