23 abril, 2013

Com muitos livros se constroem edifícios. Eu construí o meu , mostro-lhes os meus alicerces...



As minhas primeiras pedras...


... os meus alicerces... 

18 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

E quem não tem bons livros na construção do "seu" edifício é capaz de desmoronar mais depressa!
Também estão alguns destes nos meus alicerces!

as-nunes disse...

"Primeiras pedras" como essas são imprescindíveis.
Ou eram... agora já não digo nada. Parece que anda tudo em cima de estacas em terra seca.

Quanto às restantes pedras, sem dúvida que continuam a ser fundamentais.

quem és, que fazes aqui? disse...


Pequenas pedras. Fortes e grandes, os alicerces!

Beijo

Laura

manuela baptista disse...

nós somos aquilo que lemos

ainda tenho a coleção das aventuras dos cinco, que têm passado por todas as gerações

um abraço

Turista disse...

Amigo Rogério, gostei deste seu post. Bela homenagem ao dia, dos nossos amigos de sempre. :)
Um abraço.

cid simoes disse...

Com tais alicerces o edifício vai aguentar grandes tempestades.

JP disse...

Ui...muitas destas pedras serviram também para mim - "Os Cinco" que eu devorava em pequeno ou "O Processo Histórico" do Juan Clemente Zamora que fui "obrigado a ler na Faculdade e ainda faz parte da estante ali do escritório.

Abraço

São disse...

Os livros que tenho lido ao longo da vida também dariam para fazer uma casa...

Bom serão

jrd disse...

Passaste pelas minhas estantes...

Mar Arável disse...

Tenho nos meus alicerces
o teu edifício
e alguns anexos

Octopus disse...

Rogério,

Tenho a sorte de ter concretizado um dos meus sonhos, ter uma biblioteca. Tenho mais de 3 500 livros (todos lidos) e vai aumentando.

É bom ter livro, são referências.

Um abraço

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Vejo por aí bastantes títulos comuns às minhas leituras...

Flor de Jasmim disse...

existem aqui pedras das quais serviram para os meus aliceces!
Excelente homenagem.

beijnho e uma flor

Tétisq disse...

Gosto muito do Sandokan !
Caramba! O Cavaco também se esqueceu de referir o Soeiro Pereira Gomes no discurso de Bogotá ...

Fernando Santos (Chana) disse...

"O conhecimento une cada um consigo mesmo e todos com todos."
~José Saramago

Um abraço

Lídia Borges disse...


Ena! Que maravilha!

Alicerces que é preciso manter de pé contra ventos e tempestades.


Um beijo

Maria João Brito de Sousa disse...

Ocorreu-me... "Quem é capaz de resistir ao fascínio desta feira, dentro da cidade uma cidadezinha, o Rossio, com ruas feitas de pequenas casas cheias de livros às janelas, Quero este." José Casanova, in O Caminho das Aves.

Abraço!

maceta disse...

adoro os livros, adoro tê-los e lê-los...