16 abril, 2013

Euro, aí está a discussão... enquanto o "governo anda às aranhas"(4)

Não há certezas, mas há a serenidade das convicções, sem populismo nem alarmismo...


A discussão, o tal "Debate Inadiável", vai-se fazendo. Hoje foi no Prós e Contras (fora de horas). Foi tratado em termos técnicos e em linguagem fechada? Foi. Talvez não possa ser feito de outro modo. Exige-se atenção concentrada para ir acompanhando o que podemos acompanhar. Mas há registos que podemos tomar: o livro agora saído fez todos os interlocutores ficarem em sentido. 
Vou comprar. Não é por nada, é apenas para perceber como Ferreira do Amaral passou a ser olhado (e apontado) com respeito (até) por quem não nos merece respeito nenhum

12 comentários:

São disse...

Há anos que este homem defende as mesmas coisas, parece que agora está a ser ouvido mais atentamente.

Tudo de bom

Mel de Carvalho disse...

não vi. mas tenho pena. vou procurar no youtube, quem sabe não terei sorte?

vale sempre a pena aprender com quem já, pelo menos, estudou o problema.

fratreno abraço
Mel

cid simoes disse...

Gostava de saber se é referida a declaração de voto do eurodeputado do PCP quando da adesão à moeda única.Ninguém refere a posição dos "anti europeistas" "os velhos do restêlo" a "cassete". Foi fácil entrar na ratoeira, difícil é sair.

Gisa disse...

Só para deixar um bj

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Às aranhas, às apalpadelas e completamente desnorteado. É a façta do paizinho que se pirou para a América do Sul, para vender pastéis de nata.

Ana Tapadas disse...

Também não vi, mas concordo com a São. Também vou comprar, pois parece-me que esse seria o caminho...

Beijinho amigo (quem me dera estar convosco na apresentação do livro, mas ser professora e ser escrava tornaram-se de novo sinónimos).

Graça Sampaio disse...

-não duvido que deva ser lido. Só que não tenho paciência para estas leituras. Depois lerei o "resumo" que aqui for deixado!

jrd disse...

O desmanchar da feira é sempre um espectáculo triste.

Maria João Brito de Sousa disse...

Não poderia estar mais de acordo; anda, por aí, muita gente com medo de torcer o pé...


Abraço, Rogério!

O Puma disse...

Antes tinhamos escudo

agora estamos desprotegidos

maceta disse...

ora... ele é respeitado desde o princípio e vê melhor do que muitos...

maceta disse...

ora... ele é respeitado desde o princípio e vê melhor do que muitos...