26 janeiro, 2013

Caros professores, minhas senhoras e meus senhores, não venho falar de porcos, mas...de porcarias e das suas muito prováveis consequências... delas....

Garanto que falaria da manifestação se outros o não fizessem melhor que eu.
Nem venho falar de porcos... escolho falar de porcarias...


... e das (mais que prováveis) consequências....O que aqui se apresenta tem muito que se diga (e é coisa antiga) mas como sempre faço, ligo causa e consequência. Aqui está, com sua licença: