08 janeiro, 2013

O empreendedorismo está na moda... (1)


O empreendedorismo é um conceito que floresce e se dá bem na selva. Aí o mais empreendedor se afirma com as suas competências, qualidades individuais e outras coisas que tais... mas num deserto? Quem é que foi o esperto?...

14 comentários:

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Existem pessoas dotadas de vontade de vencer e procuram por todos os meios uma linha que os conduza ao sucesso.
Pode ser no deserto onde nada existe mas também pode ser numa cidade.
O que conta é a imaginação, a novidade e a qualidade dos serviços.

quem és, que fazes aqui? disse...


Não li. RECUSO-ME a ler e a ouvir o 'empreendedor' da nossa ruína.

O empreendedorismo começou com ele quando premiou o seguidismo e desvalorizou o mérito; continua com ele quando se cala e como "quem cala, consente", ele é o maior responsável do que hoje somos. Está a deixar que sejamos triturados da mesma maneira alarve como a que ele mostrou ao país, quando devorava o Bolo Rei.

Beijo

Laura

Rosa dos Ventos disse...

Também não o ouvi nem li mas fazer de cada jovem português um empresário/empreendedor é um ideia genial!
Não há paciência!

Abraço

Janita disse...

Sem ligar ao que o outro diz, eu concordo com o empreendedorismo!
Ser um empreendedor é enfrentar os problemas, mesmo não tendo forças. É caminhar por lugares desconhecidos, mesmo sem bússola. É tomar atitudes que ninguém tomou. É ter consciência de que quem vence sem obstáculos triunfa sem glória. É não esperar uma herança, mas construir uma história...
Ser um empreendedor não é esperar a felicidade acontecer, mas conquistá-la, ainda que seja no deserto…
Está certo?

Beijos.

Rui Pascoal disse...

Ninguém pára o Aníbal...

Graça Sampaio disse...

Estes anormais, como não são capazes de ter uma ideia ou uma ação de jeito, vão inventando palavras - ou melhor, traduzem-nas dos manuais de gestão americanos, mesmo sem entenderem os conceitos - e enxameando a cabeça do pessoal com palavreado vazio, tão vazio quanto eles!

Um desconsolo este país!

jrd disse...

Muita areia e pouco cimento o empreendedorismo desse cavalheiro vai ruir.

Lídia Borges disse...


Todos os dias "levamos" com "exemplos" de gente bem sucedida a fazer "pasteis de bacalhau" e a viver feliz e à larga do fruto do seu trabalho.

Começa a ser deprimente.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

E o esperto ( ou o coiso) é um exemplo de empreendedorismo notável...

Rogério Pereira disse...

Meus caros,
A Janita fez pergunta, tenho de vir aos comentários...

Não Janita, não está certo... mas como a resposta é longa farei dela um post

Espero que goste

O Puma disse...

Imaginativos são os reformados

Maria João Brito de Sousa disse...

O conceito "tresanda" e eu estou bastante pior... não aguento comentar muito mais mas é um bom "engodo" para os que consigam ser ainda mais distraídos do que eu... e num sentido diferente, claro...

Abraço grande!

JP disse...

É...algum empreendedorismo está na moda!

O desse foi um sucesso....para ele e toda a família.


Abraço

Janita disse...

Fico esperando a sua resposta em post, Rogério.

Tenho a certeza que será alguma informação importante e digna de registo. Se gostarei? Depois de ler lhe direi!

Beijo.