22 novembro, 2010

Prémio "Blog de Ouro", vejamos porquê...

A Manuela, mulher dessas coisas da educação, atribuiu-me um galardão. Está lá no seu sítio, que reclama ser "Mais que uma geografia de lugares, uma geografia de sentimentos...". Fui tentar saber o porquê de tal distinção. Para que percebam, a coisa terá resultado deste diálogo:

Manuela - "É com admiração que constato como já perfiz 150 seguidores, mas mais do que isso, alegram-me as amizades virtuais que aqui se têm cimentado e que dentro em breve passarão algumas delas, a reais. Um bem-haja a todos, por me fazerem mais feliz. As rosas que vos ofereço, são as que vejo da minha janela, enquanto vos escrevo."
Eu respondi, àquele post de flores decorado, comentando assim:

Era para lá ir
colher a rosa que me tocava,
a que me deu
Não a colhi
deixei-a lá
a olhar para si
É a mais bela
das que vê
da sua janela
(que ninguém a colha
pois é minha,
tenho-a marcada
apenas com a ternura,
sem mais nada...)

Pronto! Parece estar explicada a razão de ter sido agraciado. Só que entendo tal prémio como prémio de comentador.

Alias, empenho-me em ler cuidadosamente e depois deixar coisas escritas, por vezes entendidas por esquisitas. Por exemplo: certa bloguista um dia enviou-me um mail não exaltado, mas bem amargurado, não percebendo a razão porque lhe deixara um poema em contradição. Respondi-lhe que é com grande prazer falo com POETAS mesmo dizendo o que não gostariam de ouvir. As minhas réplicas quase sempre confundem, causam perplexidades do tipo: "o que é que este gajo quer dizer?" ou então: "estes caras não tem mais que fazer?..." Mas expliquei que quando leio um poema forte, encaro-o como uma força da natureza. Para mim é "um tremor da Terra" e, por isso merece réplicas, que como se sabe, são sempre de intensidade e duração mais fracas. Faço réplicas, quando me fazem estremecer. Faço réplicas a poetas e a "turistas" da vida...

É esta maneira de estar que a Manuela, ao que parece, resolveu premiar... Devo acrescentar que existem situações que me calam. Por exemplo: o "meu pássaro azul" editou hoje isto e eu não consegui comentar (ver "só te peço 5 minutos")